Tema de Redação traz à tona a questão da acessibilidade

jan 8, 2019

A proposta da dissertação era escrever uma carta para o fundador do Guiaderodas, descrevendo os benefícios que o app tem trazido para a sociedade.

Os temas de redação de exames mobilizam milhares de estudantes e fazem parte de um longo processo até sua definição. Para o ENEM, por exemplo, os temas tendem a ser analisados de 5 a 6 meses antes do dia do exame, e definidos ainda no terceiro trimestre. O método é sigiloso, mas sabe-se que as temáticas costumam ter um apelo social para que os candidatos apresentem uma solução que respeite os direitos humanos. Imigração e violência contra a mulher, são exemplos de assuntos que já foram utilizados. Assim, além de avaliar a qualidade da escrita do aluno são também praticados valores de cidadania.

“O Aluno tem de se portar como uma pessoa crítica e responsável, pensando na sua relação com o próximo”, afirma o professor de português e redação do Colégio João XXIII, de Porto Alegre, Rafael Garcia de Oliveira.

O exame de Certificação de Proficiência em Língua Portuguesa para Estrangeiros, ou  Celpe-Bras, foi desenvolvido pelo Ministério da Educação brasileiro, e é aplicado no Brasil e em outros países com o apoio do Ministério das Relações Exteriores. É o único certificado de proficiência em português como língua estrangeira reconhecido oficialmente pelo governo do Brasil. Internacionalmente, é também aceito em empresas e instituições de ensino como comprovação de competência na língua portuguesa, além de ser exigido pelas universidades brasileiras para ingresso em cursos de graduação e em programas de pós-graduação, bem como para validação de diplomas de profissionais estrangeiros que pretendem trabalhar no país.

Nesta edição de 2018, que marca os 20 anos do Celpe-Bras, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira recebeu 7.448 inscrições e a aplicação foi realizada em 36 países.  As provas ocorreram em todas as regiões brasileiras e na África do Sul, Alemanha, Angola, Argentina, Áustria, Bolívia, Cabo Verde, Chile, China, Colômbia, Coreia do Sul, Costa Rica, El Salvador, Equador, Espanha, Estados Unidos, França, Guiana, Guiné Bissau, Itália, Japão, Líbano, México, Moçambique, Nicarágua, Nigéria, Paraguai, Peru, Polônia, Reino Unido, República Dominicana, São Tomé e Príncipe, Suíça, Suriname, Uruguai e Venezuela.

Um dos temas escolhidos para a redação, foi o Guiaderodas, iniciativa que usa a tecnologia para proporcionar uma vida mais autônoma e inclusiva principalmente para pessoas com deficiência. O aplicativo Guiaderodas, que serve para avaliar e consultar as acessibilidade dos locais, tem sido utilizado como guia para pessoas que tem alguma restrição de mobilidade.

A proposta da dissertação era escrever uma carta para o fundador Bruno Mahfuz, descrevendo os benefícios que o app tem trazido para a sociedade.

Ter temas de redação ligados a questões sociais vividas no Brasil e no mundo traz para a agenda do estudante a necessidade de discutí-los e encará-los como cidadãos conscientes.

Fonte:

http://dc.clicrbs.com.br/

  • Acessibilidade
  • Adaptações
  • Agências de Emprego
  • Animais Treinados
  • Aparelhos Auditivos
  • Aparelhos e Equipamentos Especiais
  • Avaliação Física
  • Bancos e Instituições Financeiras
  • Cadeiras de Rodas
  • Departamentos de RH
  • Distribuidores de Produtos
  • Educação, Aprendizado e Treinamento
  • Entidades Públicas e Privadas
  • Equipamentos Hospitalares
  • Esportes Adaptados
  • Fisioterapia e Terapia Ocupacional
  • Hidroterapia
  • Higiene Pessoal
  • Home Care
  • Indústria Farmacêutica
  • Informática
  • Livros e Publicações
  • Produtos Ortopédicos
  • Próteses e Órteses
  • Terapias Alternativas
  • Test-drive de Cadeiras de rodas Motorizadas
  • Turismo e Lazer

Reackathon 2019

Duração:

  • 32 horas
  • 1ª Etapa – a partir das 18h do dia 14/06/19
  • 2ª Etapa – a partir do dia 15/06/19, às 08h até o dia 16/06/19 às 16h

O que é?
Um grande evento para estimular o desenvolvimento de soluções tecnológicas, bem como fomentar iniciativas inovadoras que promovam a autonomia, independência, qualidade de vida e inclusão social de pessoas com deficiência e mobilidade reduzida, e em prol da melhoria de políticas públicas para o bem-estar da sociedade.
As soluções criadas deverão observar o tema “Tecnologia Assistiva para Pessoas com Deficiência e Mobilidade Reduzida”.

Como é a experiência?
O espírito do Reackathon poderá ser descrito pela celebre frase “work hard, play hard”. Isso porque o evento será marcado por longas horas de trabalho duro com intervalos para descompressão.
Para participar, as equipes deverão apresentar soluções que consistam em serviços no formato de sistema web (internet), dispositivos eletrônicos vestíveis (“wearables”), equipamentos de uso pessoal (“gadgets”) e/ou aplicativos para smartphones e tablets com soluções que se enquadrarem nas áreas de interesse da Saúde, envolvendo, mas não se limitando a: prevenção de doenças, cuidados básicos, diagnóstico, acompanhamento e monitoramento individualizado, processamento de dados (“big data”) e análises estatísticas, gestão e otimização de frota, gestão hospitalar, gestão de prontuário médico, mapeamento de enfermidades, gestão de jornadas e alocação de profissionais, entre outros. Em especial, os seguintes elementos serão observados na avaliação das Soluções Participantes:

Experiência Digital: As soluções devem participar de forma relevante na vida dos envolvidos, através da interação digital;

Novos Produtos e Serviços: As soluções devem remodelar, evoluir ou criar produtos e serviços que atendam às necessidades no ramo da saúde desde que focado para a Pessoa com Deficiência Física, Auditiva, Visual, Mental e Múltipla;

Otimização: As soluções devem suplementar os conhecimentos dos cidadãos através de novas soluções.

Como participar?
Para participar, basta se inscrever no formulário online a partir das 00h00 do dia 15/04/19 até às 23h59 do dia 02/06/19.
Fique atento! No dia 07/06/19 até as 23:59, será publicada na Fanpage do evento no Facebook a lista final dos participantes, além de ser enviado um e-mail de confirmação para cada um.
Confira o Regulamento do Reackathon.
A participação no evento é totalmente gratuita aos participantes!
CLIQUE AQUI E INSCREVA-SE

Comentários:

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *