fbpx
5 dicas para deixar seu escritório mais acessível

5 dicas para deixar seu escritório mais acessível

Acessibilidade é um exercício contínuo e pequenas ações fazem toda a diferença

Em Fevereiro de 2020 o Guiaderodas completou 4 anos de atuação e, ao longo da nossa trajetória, pudemos observar que muitas empresas já compreendem a importância da acessibilidade arquitetônica, porém se esquecem da parte atitudinal, que mantém o assunto vivo.

Tão importante quanto ter uma estrutura acessível é manter o ambiente acessível. 

Seguem 5 dicas práticas para deixar o local de trabalho melhor para todos: 

Promover a manutenção e limpeza dos banheiros

Barras de apoio, peças sanitárias, bancos, cadeiras e assentos de qualquer espécie devem passar por revisões constantes para que estejam perfeitamente fixados. Esses dispositivos recebem muita carga e podem se soltar e causar acidentes. 

Além disso, higiene é fundamental. A pessoa com deficiência tem muito contato físico com as peças do banheiro e boa parte delas precisa se sentar no vaso sanitário. Para que o ambiente esteja o mais limpo possível, o uso exclusivo deve ser respeitado. Porém não é recomendável que o banheiro fique trancado. É aconselhável uma ação de conscientização, para lembrar permanentemente aos usuários que este é um espaço reservado a pessoas que não têm condições de utilizar os sanitários comuns.

Pensar no espaço de circulação

Por conta da correria do dia a dia, é comum que as pessoas obstruam corredores com caixas, mochilas, cadeiras, lixeiras e etc. Esses obstáculos móveis podem parecer inofensivos para muitos, mas atrapalham ou até impedem a circulação de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. 

Sempre que presenciamos situações como essa recomendamos que as pessoas tentem visualizar como uma cadeira de rodas passaria por ali, ou que tentem transitar com sua própria cadeira de trabalho por aquele espaço. A experiência acaba estimulando uma mudança de comportamento.

Equipamentos e Mobiliário

Deve-se evitar móveis com quinas, onde pessoas com deficiência visual comumente se machucam.

Os ambientes corporativos devem ter estações de trabalho com alturas reguláveis. Pessoas obesas ou muito altas têm grande dificuldade com móveis de dimensões padrão.

Impressoras, copos e elementos de uso comum devem estar ao alcance das pessoas de baixa estatura e em cadeira de rodas, assim, estarão ao alcance de todos.

Tapetes

Tapetes e capachos não combinam com acessibilidade, porém, se for entendido pela organização que eles são necessários, é importante que estejam fixados ou nivelados com o piso.

Convivência

As barreiras físicas são impeditivas, mas as barreiras sociais podem ser bem mais duras de se transpor. Tratar o assunto da deficiência com naturalidade e promover o diálogo é a forma mais justa, fácil e econômica de resolver os problemas.

Uma boa maneira de descobrir o que é melhor para as pessoas com deficiência da sua empresa é perguntando e convivendo. Colocando atenção e energia, é possível transformar qualquer estrutura.

Para empresas que querem dar um passo além

Certificação Guiaderodas é um programa que reconhece as melhores práticas de acessibilidade. Ter o local certificado pelo Guiaderodas significa estar apto para receber pessoas com deficiência, gestantes, de estaturas e idades diferentes, desde da sua infraestrutura até sua operação.

Mercado Livre, KPMG, Santander e Wework são algumas das empresas certificadas.

Por Bruno Mahfuz, Fundador do Guiaderodas

Quer saber mais? Me mande uma mensagem aqui pelo Linkedin.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *