fbpx
Setor Milionário de Tecnologias Assistivas

Setor Milionário de Tecnologias Assistivas

Tecnologias Assistivas a favor da acessibilidade como modelo de negócio

As tecnologias assistivas podem mudar a vida de 14% da população mundial. Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), 1 a cada 7 pessoas apresenta algum tipo de deficiência. Isso quer dizer que mais de 1 bilhão de pessoas no mundo possui uma deficiência com as mais diferentes necessidades.

Como modelo de negócio, atender tais necessidades sempre foi visto como algo complexo de ser feito. Muitas vezes, as necessidades são específicas e a ausência de um modelo de escala torna o produto muito mais caro. Não é surpresa ver cadeiras de rodas pelo valor de R$ 6.000,00 ou custos de adaptação de ambientes por valores altíssimos. O trabalho costuma quase sempre ser quase Taylor Made e de complexidade considerável.

Com o desenvolvimento de novas tecnologias assistivas e novos canais de interlocução, abrem-se novas possibilidades de atender todo esse público.

Graças aos avanços tecnológicos vemos empresas como a Livox, que recebeu R$ 2,2 milhão do Google para aprimorar o seu software de comunicação voltado para pessoas com dificuldade de fala. O Projeto foi premiado pela ONU e já ajudou milhares de pessoas com autismo, paralisia cerebral e AVC a se comunicarem melhor.

Vemos também exemplos como a Amparo Prosthetics, que produz próteses de baixo custo para amputados socialmente frágeis e afastados de zonas com atendimento médico. A Hand Talk, que desenvolveu um avatar que compreende e traduz textos para libras e o Guiaderodas que está criando uma rede de agentes de mudança em prol da acessibilidade.

Impossível prever o que vai acontecer de agora em diante, mas estamos curiosos para ver o que esse setor de potencial bilionário das tecnologias assistivas (Site Whow, agosto 2019) vai apresentar no futuro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *