Soluções assistivas premiadas: Uece e Dell transformam meios de trabalho

Soluções assistivas premiadas: Uece e Dell transformam meios de trabalho

Com quase dez anos de parceria, a Uece e a Dell comemoram o reconhecimento do Gartner, que promovem soluções assistivas no mercado corporativo

Parcerias são essenciais para o contínuo desenvolvimento de um mundo cada vez mais acessível. A Universidade Estadual do Ceará (Uece) investiu neste segmento de soluções e ferramentas para inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho. Para isso, contou com a ajuda da Dell para desenvolver novas tecnologias que se tornaram soluções assistivas premiadas.

A empresa especialista em tecnologia foi premiada pelo Gartner na categoria “People Breakthrough of the Year” (Revelação do ano). Para a conquista, da qual se orgulha a Uece, foram avaliadas as tecnologias assistivas que aprimoram a inclusão de pessoas com deficiência na fábrica da empresa no Brasil.

“A Universidade Estadual do Ceará é considerada a universidade-âncora do Lead na criação dos projetos, promovendo a participação de diversos pesquisadores, bolsistas e orientadores, incrementando a produção científica por meio de trabalhos acadêmicos e de publicações científicas em âmbito internacional”, declara Francisco Oliveira, cientista-chefe do Lead e diretor do Departamento de Tecnologia da Informação e Comunicação (Detic) e professor da Uece.

O profissional comemora como essa parceria fortalece a imagem da universidade, visto que a Dell é considerada uma referência em tendências tecnológicas e possui grande relevância internacional.

“A parceria é muito importante para a Universidade, pois permitiu o desenvolvimento de uma inclusão produtiva, promovendo o acesso ao trabalho para pessoas que, notadamente, não conseguiriam fazer certas atividades sem o auxílio de tecnologia”, detalha o professor da Uece.

Soluções assistivas premiadas: a consequência de uma parceria que vale ouro

A Dell realizou um trabalho muito importante de pesquisa e desenvolvimento de soluções assistivas que visam contribuir para a evolução de toda a sociedade. Segundo Bruno Queiroz, gerente de Portfólio do Centro de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação da Dell (Lead), a parceria teve início em 2012, ano seguinte à implementação de um laboratório de pesquisa.

“O primeiro projeto executado em conjunto consistia em dar continuidade ao desenvolvimento de uma plataforma de educação a distância da Dell, acessível para pessoas com deficiência. O projeto ainda hoje é um dos um dos carros-chefe das iniciativas feitas pela Dell no Brasil”, relembra o executivo.

A colaboração entre a instituição de ensino e a empresa cresceu muito desde então e, entre os projetos realizados, há três importantes soluções assistivas premiadas, reconhecidas pelo prêmio Power of the Profession Awards, do Gartner. Confira mais detalhes sobre cada uma delas abaixo:

Steve

Trata-se de um exoesqueleto que tem como objetivo auxiliar na acessibilidade em postos da linha de montagem da Dell no Brasil, sobretudo aqueles que exigem que os trabalhadores fiquem em pé. A tecnologia, ainda em fase de testes, permitirá à empresa contratar e alocar mais pessoas com deficiência na sede em Hortolândia, em São Paulo. A tecnologia também poderá ser uma aliada das pessoas que estão em alguma fase transitória que dificulta a acessibilidade, como mulheres grávidas.

Artrade

O Augmented Reality Training Arcade (Artrade) é uma ferramenta baseada em realidade aumentada. Essa tecnologia permitirá que surdos tenham o treinamento devido para atuar na linha de produção com o uso de um smart glass. O sistema também é traduzido para Libras, ampliando a lista de beneficiados pela solução assistiva.

Maia

O Mobile Aware Intermodal Assistant (Maia) é um aplicativo que transformou o teste dos alto-falantes dos notebooks Dell e os deixou acessível para pessoas com deficiência. Para isso, a ferramenta possui algoritmos que convertem sons em imagens, transformando áudios em estímulos visuais. Além disso, os usuários poderão otimizar o modo como acionam e se comunicam com seus supervisores. Outras funcionalidades envolvem solicitação de materiais, recebimento de notificações de pausa, reunião e emergência por meio de rádios e dispositivos conectados à rede local.

Para ficar por dentro de outras iniciativas de acessibilidade no Brasil, siga a página do Guiaderodas no Instagram e em nosso Blog!


Felipe Lima

Jornalista formado pela Universidade Anhembi Morumbi (UAM) e redator web desde 2017, especializado em SEO pela Comschool. Profissional que acredita no poder das palavras e na transmissão de histórias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

);

Quer receber novidades
de como a acessibilidade
está transformando o mundo?

Seu cadastro foi efetuado com sucesso.

There was an error while trying to send your request. Please try again.

Guiaderodas will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.