Certificação Guiaderodas é conquistada por Farol Santander

fev 20, 2019

Todos os dias o Farol Santander recebe a visita de idosos, cadeirantes, gestantes e pessoas com deficiência.

O Farol Santander, também conhecido por Edifício Altino Arantes, ou antigo Edifício Banespa é um dos prédios mais emblemáticos da capital paulista, sendo o terceiro arranha-céu mais alto da cidade de São Paulo e o sétimo mais alto do país.
Construído a partir de 1939 para sediar o Banespa e inaugurado em 27 de junho de 1947 pelo então Governador de São Paulo, Ademar de Barros, o edifício tem 35 andares, 161 metros de altura e foi inspirado na arquitetura art decó do Empire State Building.
Em 2000, o prédio foi incorporado ao patrimônio do Grupo Santander, que comprou o Banespa. Em 2014, a construção foi tombada pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico (Condephaat).

Depois de um longo período ocioso, o edifício reabriu suas portas ao público em 25 de janeiro de 2018, no aniversário da cidade de São Paulo, com o nome de Farol Santander e agora, após um ano, conquista um importante reconhecimento: a Certificação Guiaderodas.

Apesar de ser um edifício tombado, de estar localizado no centro de São Paulo e de ter em suas imediações calçadas de pedras portuguesas por vezes degradadas, o Farol passou por adaptações arquitetônicas para aprimorar a acessibilidade e se dedicou a formação de pessoas para eliminar as barreiras atitudinais e propiciar um ambiente inclusivo.  

Todos os dias o Farol recebe a visita de idosos, cadeirantes, gestantes e pessoas com deficiência.

“O processo de Certificação do Guiaderodas nos auxiliou neste trabalho e essa conquista é motivo de muito orgulho, porque nos permite oferecer uma experiência inesquecível  para todas as pessoas que tem qualquer tipo de restrição de mobilidade e o público diverso. Somos o primeiro Centro Cultural do Brasil a receber essa certificação.” diz Edmar Cioletti, Superintendente de Facilities e Engenharia do Banco Santander.

O Guiaderodas já recebeu importantes premiações da ONU e do MIT Technology Review. A Certificação Guiaderodas é um programa reconhece as melhores práticas de acessibilidade e alia tecnologia  ao conhecimento de arquitetos especialistas em acessibilidade e à vivência de pessoas com deficiência.

Segundo Bruno Mahfuz, cadeirante e fundador do Guiaderodas, o objetivo da iniciativa é propiciar uma vida mais autônoma para todos através do mote: Uma ideia quando é boa, é boa para todos. “Enxergamos a acessibilidade não apenas como um cumprimento de normas, mas como um exercício contínuo. Olhar para essa questão de maneira permanente traz um diferencial estratégico do bem para as empresas e todos são beneficiados.”

  • Acessibilidade
  • Adaptações
  • Agências de Emprego
  • Animais Treinados
  • Aparelhos Auditivos
  • Aparelhos e Equipamentos Especiais
  • Avaliação Física
  • Bancos e Instituições Financeiras
  • Cadeiras de Rodas
  • Departamentos de RH
  • Distribuidores de Produtos
  • Educação, Aprendizado e Treinamento
  • Entidades Públicas e Privadas
  • Equipamentos Hospitalares
  • Esportes Adaptados
  • Fisioterapia e Terapia Ocupacional
  • Hidroterapia
  • Higiene Pessoal
  • Home Care
  • Indústria Farmacêutica
  • Informática
  • Livros e Publicações
  • Produtos Ortopédicos
  • Próteses e Órteses
  • Terapias Alternativas
  • Test-drive de Cadeiras de rodas Motorizadas
  • Turismo e Lazer

Reackathon 2019

Duração:

  • 32 horas
  • 1ª Etapa – a partir das 18h do dia 14/06/19
  • 2ª Etapa – a partir do dia 15/06/19, às 08h até o dia 16/06/19 às 16h

O que é?
Um grande evento para estimular o desenvolvimento de soluções tecnológicas, bem como fomentar iniciativas inovadoras que promovam a autonomia, independência, qualidade de vida e inclusão social de pessoas com deficiência e mobilidade reduzida, e em prol da melhoria de políticas públicas para o bem-estar da sociedade.
As soluções criadas deverão observar o tema “Tecnologia Assistiva para Pessoas com Deficiência e Mobilidade Reduzida”.

Como é a experiência?
O espírito do Reackathon poderá ser descrito pela celebre frase “work hard, play hard”. Isso porque o evento será marcado por longas horas de trabalho duro com intervalos para descompressão.
Para participar, as equipes deverão apresentar soluções que consistam em serviços no formato de sistema web (internet), dispositivos eletrônicos vestíveis (“wearables”), equipamentos de uso pessoal (“gadgets”) e/ou aplicativos para smartphones e tablets com soluções que se enquadrarem nas áreas de interesse da Saúde, envolvendo, mas não se limitando a: prevenção de doenças, cuidados básicos, diagnóstico, acompanhamento e monitoramento individualizado, processamento de dados (“big data”) e análises estatísticas, gestão e otimização de frota, gestão hospitalar, gestão de prontuário médico, mapeamento de enfermidades, gestão de jornadas e alocação de profissionais, entre outros. Em especial, os seguintes elementos serão observados na avaliação das Soluções Participantes:

Experiência Digital: As soluções devem participar de forma relevante na vida dos envolvidos, através da interação digital;

Novos Produtos e Serviços: As soluções devem remodelar, evoluir ou criar produtos e serviços que atendam às necessidades no ramo da saúde desde que focado para a Pessoa com Deficiência Física, Auditiva, Visual, Mental e Múltipla;

Otimização: As soluções devem suplementar os conhecimentos dos cidadãos através de novas soluções.

Como participar?
Para participar, basta se inscrever no formulário online a partir das 00h00 do dia 15/04/19 até às 23h59 do dia 02/06/19.
Fique atento! No dia 07/06/19 até as 23:59, será publicada na Fanpage do evento no Facebook a lista final dos participantes, além de ser enviado um e-mail de confirmação para cada um.
Confira o Regulamento do Reackathon.
A participação no evento é totalmente gratuita aos participantes!
CLIQUE AQUI E INSCREVA-SE

Comentários:

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *