Aplicativos para pessoas com Deficiência Visual

maio 7, 2019

VEJA O QUE VOCÊ NÃO PODE VER

Os smartphones fazem parte do cotidiano de quase todo mundo. Cada vez mais, surgem aplicativos para ajudar seus usuários nas mais diversas tarefas. Comparar preços, sugerir o melhor caminho, comprar passagens aéreas, evitar o trânsito, encontrar um namorado, fazer transferências bancárias, avaliar locais e porque não, auxiliar pessoas com deficiência visual.

Questões simples como: “Qual é a data de validade desse leite?” ou “Que cor é essa blusa?” ou ainda ao abrir a carteira e pegar uma nota: “Qual é o valor dessa nota?

Para responder essas questões, sempre se contou com a boa vontade daqueles que estão por perto e dos esforços da pessoa cega, que muitas vez opta por um caminho de tentativas e erros, com receio de importunar com perguntas “banais”.

Considerando a enorme quantidade de pessoas no mundo que não enxergam e a enorme quantidade de pessoas que enxergam e que, de alguma forma, gostariam de colaborar socialmente com boas ações é que surgiu o aplicativo Be My Eyes. O app conecta duas pessoas: aquele que está disposto à ajudar e aquele que tem deficiência visual. O voluntário ao ser contatado, “empresta” seus olhos para resolver tarefas grandes e pequenas em tempo real e de qualquer parte do mundo.

COMO FUNCIONA:

Todos os dias, voluntários emprestam seus olhos para resolver tarefas grandes e pequenas, para ajudar as pessoas cegas e com baixa visão a levarem vidas mais independentes.

PESSOA CEGA OU COM BAIXA VISÃO – SOLICITA ASSISTÊNCIA

Através da chamada de vídeo ao vivo, você e um voluntário podem se comunicar diretamente e resolver um problema. O voluntário ajudará a orientar em qual direção apontar a câmera, o que focar ou quando ligar o flash.

VOLUNTÁRIO – RECEBE CHAMA DE VÍDEO

Como um voluntário com visão você pode ajudar apenas instalando o aplicativo Be My Eyes. Um usuário cego ou com baixa visão pode precisar de ajuda com qualquer coisa, desde verificar datas de validade, distinguir cores, ler instruções ou navegar em novos ambientes.

“Uma das coisas importantes, que mudou a minha vida através do Be My Eyes, é que eu não preciso mais sempre esperar até que uma pessoa com visão apareça. Então agora eu sou bastante independente nessas situações, e consigo as informações quando preciso delas” relata um usuário de baixa visão.

Outro aplicativo, muito útil é o Envision, recém premiado pelo Google Play Awards 2019. O app fala com o usuário descrevendo o mundo ao seu redor: cores, fisionomias, paisagens, além de realizar a leitura de textos.

Ferramenta de Leitura

As ferramentas de Reconhecimento de Texto da Envision podem ler qualquer tipo de texto, em qualquer superfície, em mais de 60 idiomas.

Leia o Texto Instantaneamente
Aponte a câmera para o texto, cartões de visita, placas, nomes de rua e ouça o que está escrito
Leia Texto Manuscrito
Ainda em sua função beta, mas se a letra for bem escrita o aplicativo é capaz de ler, ótimo para lista de compras de supermercado
Leitura de Documentos
Este modo é ideal para documentos longos, e tem uma orientação em audio para que o usuário seja guiado para movimentar a câmera quando necessário

 

Reconhecimento Facial, de Objetos e Cenas

 

Descreva a Cena
Aponte a camera do celular que o aplicativo fará uma breve descrição do que se encontra ao seu redor
Detectar Cores
É capaz de reconhecer mais de 900 cores, super útil para escolher a roupa certa
Digitalizar Códigos de Barra
uma forma de  de digitalizar produtos e reconhece-los
Ensine o Envision
Cadastre pessoas e objetos para um fácil reconhecimento

 

Essas tecnologias possibilitam que pessoas cegas e com baixa visão possam levar suas vidas com mais autonomia e independência.

Ambos Be My Eyes e Envision estão disponíveis para Android e Iphone.

Outros aplicativos que favorecem a acessibilidade de pessoas com deficiência: Guiaderodas e HandTalk.

Comentários:

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *